segunda-feira, 9 de julho de 2012


























Encontro

Gosto de ter os seus olhos olhando nos meus,
Mostrando-me um algo tão puro e tenro,
Enquanto as tuas mãos percorrem um longo caminho em meu corpo,
Um toque doce, suave,
Que atinge a minha alma
Desvendando os meus segredos.
Sempre que deslizar no meu corpo,
Sentirá a força da minha paixão,
A intensidade do meu desejo,
Poderá ouvir nas batidas do meu coração,
Gritando o quanto te deseja.
Esse desejo que me arrepia o corpo,
Que aflora os meus sentimentos mais sublimes
Um desejo adormecido,
Que se desperta em seus braços,
Quando senti o seu calor,
E o doce sabor dos seus lábios,
Faz o mundo ficar tão pequeno,
Que posso vê-lo no fundo dos seus olhos,
Que sempre me contam,
O que a sua boca não consegue expressar,
Tudo é tão completo e único
Quando o meu corpo encontra o seu.

Um comentário:

* disse...

QUERO ESSE LIVRO, CRIS !!! Devia pensar seriamente em compilar suas poesias num livro, moça ! E me dê um autografado, hein ! rs