sexta-feira, 4 de novembro de 2011


















Sem Explicação

Procurei por teus olhos,
Por teu olhar penetrante,
Por teus lábios alucinantes,
Por tua boca viciante.
E naquele instante em que ti vi
Senti todo o meu corpo tremer
A luz que emanava do seu olhar
Fez-me pensar,
Onde te encontra?
Naquele momento eu te quis,
Te senti minha
Não enxergava ao redor,
Os meus olhos deslizavam em suas curvas
Se perdiam em seu sorriso,
Tudo que eu sonhei,
Estava ali,
Um passo a minha frente,
Mas o medo transformou
Meros metros em quilômetros,
Mas a vontade te ter,
Te tragou para mim
Te trouxe pro meu lado
E com um fio de voz
Perguntei o seu nome
E deixei-me enfeitiçar
Com o seu doce cheiro,
Me acalentar com as suas palavras
E naquele instante
Eu sabia que o meu mundo
Havia mudado de órbita,
E que todos os meus sentidos se voltariam para você
Porque no momento em que ti vi
Te senti minha,
Como a parte que me faltava,
Como a luz que iria me guiar
Para caminhos jamais vistos
Para experiências jamais vividas
Um novo ciclo se iniciava
Uma nova história começou
No momento que
Os meus olhos cruzaram com os seus
Tudo ganhou cor,
Não sei como explicar,
Tudo mudou,
E não consigo encontrar razões
Para não te ter em minha vida
Pois todos os meus passos
Levam-me a você!





5 comentários:

P. Amarela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
P. Amarela disse...

Sou fã de sua poesia, moça!!! Voce escreve com a alma, e isso é lindo demais de se ler. Uma leitura que aquece, que faz a gente suspirar com o amor.

Simone A. disse...

Hei moça, voltou com tudo né, rs
“Te senti minha” essa frase tem o poder de despertar lembranças.
Eu já havia elogiado o Blog, mas é sempre bom reforçar, rs

Anônimo disse...

Kelly.....
preciso falar c vc......
perdi meu msn,me add no luasekreta
beijos
Juliah

Be Fontana disse...

Parabens pelo blog ^^
Te sigo s2
Me segue também?
http://obscure-meianoite.blogspot.com/
><